Cursos Técnicos Superiores Profissionais (TeSP)

Os Cursos Técnicos Superiores Profissionais (TeSP) são uma nova oferta formativa que passa, por promover a integração dos estudantes no mercado de trabalho e, ao mesmo tempo, assegurar que as entidades empregadoras encontram profissionais com o perfil desejado.

  • Cozinha e Inovação Alimentar

    O curso Técnico Superior Profissional em Cozinha e Inovação Alimentar visa formar profissionais aptos para conceber, organizar e executar as atividades de preparação e confeção alimentar, acompanhando as novas tendências e criatividade ao nível da cozinha e da gastronomia, valorizando o receituário tradicional português, respeitando os princípios da sazonalidade, segurança alimentar e nutrição. Atividades Principais:

    • Produzir alimentos em contexto de gastronomia, baseando-se na gastronomia portuguesa e em algumas gastronomias internacionais;
    • Produzir produtos de padaria e de pastelaria popular e conventual;
    • Produzir alimentos com utilização de técnicas gastronómicas avançadas;
    • Aplicar aditivos alimentares a preparações de forma correta para melhorar as propriedades organoléticas dos alimentos;
    • Implementar sistemas de gestão de segurança alimentar;
    • Elaborar estudos de avaliação da satisfação dos alimentos e/ou refeições servidas, interagindo por isso junto dos clientes e/ou consumidores;
    • Modificar o receituário tradicional português, de forma a criar refeições mais equilibradas nutricionalmente;
    • Calcular as cargas calóricas dos alimentos e refeições, criar e dimensionar menus, incluindo para pessoas com necessidades nutricionais especiais;
    • Gerir e integrar equipas multidisciplinares;
    • Elaborar documentos e relatórios de gestão com os indicadores mais relevantes e sistematizar a informação operacional;
    • Organizar uma adega de vinhos de um restaurante;
    • Organizar a gestão física de uma cozinha profissional;
    • Empratar alimentos para os diferentes tipos de serviços de restauração com recurso a soluções criativas;
    • Gerir e controlar os custos de produção.
     

    ver mais

  • Gestão Hoteleira

    O Técnico Superior Profissional de Gestão Hoteleira é o profissional apto para supervisionar, coordenar e controlar as atividades das secções da receção e dos andares que incorporam o departamento de alojamento das diferentes unidades hoteleiras. Atividades Principais:

    • Posicionar estrategicamente o de alojamento, assim como os produtos e serviços na unidade hoteleira;
    • Elaborar o organograma do departamento de alojamento, bem como o fluxo de trabalho e de comunicação das diferentes secções;
    • Elaborar as normas de serviço das diferentes secções, assim como os procedimentos relativos a reserva, chegada, receção, estadia e partida dos hóspedes, à limpeza e arrumação de áreas públicas, quartos e lavandaria/rouparia e à inventariação e manutenção dos equipamentos/utensílios;
    • Elaborar instrumentos de gestão relativos ao controlo das reservas, das contas de hóspedes, dos custos, da faturação, das vendas utilizando software informático específico;
    • Elaborar resultados financeiros e comerciais, através de análise estatísticas e da elaboração de relatórios de follow up;
    • Negociar com fornecedores e com empresas de outsourcing, tendo como objetivo a minimização de custos e o controlo de qualidade dos produtos e/ou serviços adquiridos;
    • Elaborar planos de objetivos comerciais tendo em consideração estratégias de marketing e vendas;
    • Elaborar um plano de marketing de unidades hoteleiras.
       

    ver mais

  • Organização e Gestão de Eventos

    Actualmente, os eventos constituem-se como uma das áreas de actividade com maior desenvolvimento. O Técnico de Organização e Animação de Eventos é o profissional qualificado apto a conceber e programar eventos, organizar e planear diferentes tipos de eventos, orçamentar eventos e identificar potenciais fontes de receitas (e.g.: financiamento, patrocínio, etc), proceder ao levantamento dos recursos técnicos necessários para a produção de eventos, proceder ao levantamento dos recursos humanos necessários para a produção de eventos (incluindo voluntários), coordenar e acompanhar as equipas de trabalho, bem como proceder à avaliação e divulgação de resultados. O Técnico de Organização e Animação de Eventos é também um profissional qualificado para analisar o mercado e desenvolver uma oferta ajustada à procura real ou potencial, bem como interagir com stakeholders.

    Atividades Principais

    • Organizar e planear as várias tipologias de eventos;
    • Elaborar orçamentos e análise de desvios orçamentais;
    • Desenvolver e implementar as oito políticas do marketing-mix específicas dos eventos;
    • Comunicar e promover eventos de forma eficaz e eficiente;
    • Interpretar e gerir a informação recebida e produzida, utilizando aplicações informáticas adequadas;
    • Aplicar as normas de protocolo específicas de cada tipologia de evento;
    • Identificar e desenvolver parcerias de financiamento e patrocínio;
    • Desenvolver ações de animação turística;
    • Identificar e ajustar os produtos e serviços principais e complementares à procura;
    • Determinar o preço óptimo para os eventos e produtos/serviços complementares.
    • Gerar procura de eventos através da inovação;
    • Criar, desenvolver e consolidar a imagem e posicionamento de eventos;
    • Desenvolver packagings de serviços nos eventos, nomeadamente, transportes, alojamento, catering e bilheteira;
    • Identificar e aplicar as ferramentas adequadas ao relacionamento interpessoal, intra e inter-organizacional.

    ver mais

  • Restauração e Bebidas

    Gerir e controlar, de forma autónoma ou coordenada, as atividades e operações dos serviços de alimentação e bebidas, de forma a garantir a qualidade do serviço a prestar, integradas em unidades de restauração e bares, inseridas em unidade hoteleiras, catering ou autónomas. Atividades Principais:

    • Gerir operações em unidades de negócio de restauração e bebidas;
    • Supervisionar, coordenar, controlar e organizar as atividades e operações dos serviços de alimentação e bebidas;
    • Planear e desenvolver a estratégia de promoção e comercialização do serviço de alimentação e bebidas;
    • Planear, coordenar e organizar as operações de alimentação e bebidas, garantindo a qualidade dos serviços;
    • Planear e estruturar menus e proceder ao cálculo de custos associado;
    • Controlar a qualidade do serviço e da interação com o cliente;
    • Gerir os resultados financeiros do serviço de alimentação e bebidas
       

    ver mais

  • Turismo, Natureza e Aventura

    O Curso Técnico Superior Profissional em Turismo Natureza e Aventura visa formar profissionais aptos a planificar, coordenar e gerir as operações turísticas no espaço rural, de natureza e de aventura, num contexto integrado entre a vivência de experiências turísticas e a conservação dos recursos naturais e o desenvolvimento turístico sustentável dos destinos. Atividades Principais:

    • Planear, coordenar e organizar diferentes atividades de animação no âmbito do turismo de natureza e aventura;
    • Estudar as tendências de desenvolvimento do setor do turismo de natureza e aventura, concretamente determinar a abordagem STP (segmentation, targeting e positioning);
    • Proceder à promoção e animação de espaços rurais e da natureza;
    • Gerir equipa de recursos humanos afetos às atividades de animação em turismo de natureza e aventura;
    • Atuar como gestor de operações turísticas e das atividades de planeamento de empresas turísticas no espaço rural e de natureza.
    • Proceder ao levantamento de recursos turísticos locais e regionais;
    • Planear estratégias de conservação de recursos naturais, promovendo o desenvolvimento de atividades num contexto de turismo sustentável;
    • Colaborar na divulgação da oferta turística local e regional.
     

    ver mais